Alimentos que aumentam o volume da barriga

Quem nunca ouviu falar, teme e não quer ter a famosa barriguinha não é mesmo? pois bem, todos nós sabemos que a barriga não é exatamente o sonho de consumo de qualquer pessoa, muito pelo contrário, é o que ninguém quer ter.

Manter a barriga “chapada” além de ser bonito para a estética, também é sinônimo de saúde, a barriga redondinha é sinal de que as coisas não andam tão bem, uma das formas mais fáceis de se aumentar o volume da barriga é através do consumo de alguns alimentos que colaboram para tal incômodo, mas que também podem ser evitados e consequentemente melhorar a saúde do corpo.

Alimentos que aumentam o volume da barriga

Alimentos que aumentam o volume da barriga

Alimentos que aumentam o volume da barriga

Diversos alimentos são responsáveis pelo aumento do volume da barriga, caso você esteja interessado em diminuir a sua vale a pena levar em consideração nossa relação e tentar evitar o consumo de tais alimentos.

Produtos Industrializados: Um dos grupos alimentares que mais contribuem para o aumento da barriga são os produtos industrializados pois possuem substâncias químicas que sobrecarregam o fígado e a vesícula, dentre eles estão refrigerantes, biscoito, macarrão pronto.

Bebidas alcoólicas: Engana-se quem pensa que somente a cerveja cria barriga, todas as outras bebidas alcoólicas são também responsáveis pela barriguinha pois elas aumentam a permeabilidade da mucosa do intestino, acarretando o aumento do volume abdominal.

Massas e pães: Essa classe de alimentos que aumentam o volume da barriga também já são bem conhecidos, o seu efeito é ocasionado pois, quando feitos com farinha refinada, devolvem carboidrato que acarreta na fermentação e produção de gases o que aumenta a barriga.

Feijão, Ervilha, Batata-doce, Grão de bico, Repolho e Couve-Flor: aumentam a produção de gases.

Açúcar: quando consumido em excesso o açúcar aumenta a quantidade de gordura abdominal e a distensão.

Sódio (sal): o famoso sódio é responsável pela retensão de água no corpo causado a sensação de inchaço, portanto, é ideal evitar o excesso.